Decoração inspirada em filmes famosos

As produções cinematográficas são de uma riqueza tão absoluta que fazem jus ao termo “a sétima arte”. Os filmes estão cada vez mais fantásticos, e isso inclui cenários lindamente decorados, adaptados ao gênero, à época e à história que fazem parte.
Tanta beleza e capricho pode render inspiração para outras artes, como a decoração. Por que não optar por um dos seus filmes preferidos para basear a decoração da sua casa? É uma ideia de muito bom gosto que vai agradar todos do seu convívio. Mas atenção, se você gosta de filmes do gênero tragédia, terror ou thriller, vamos pular essa parte e ficar com os cenários das produções mais leves… as românticas, clássicas, comédias, ou até as de ação e de super-heróis.

Cassino Royale (2006) – Estilo sóbrio e elegante
A estreia de Daniel Craig como James Bond faz o personagem retornar à sua primeira missão como Agente 007, em Madagascar. Ele precisa espionar uma organização terrorista e fazer desmoronar os negócios ilícitos que se espalharam pelo mundo. Para isso, Bond enfrenta seu pior inimigo numa partida de poker, no Cassino Royale, e precisa derrotá-lo em uma mesa de apostas altíssimas, que desmontará de vez esse império do crime.
filme1
No salão de jogos, o ambiente é requintado e elegante, com cortinas e tapetes, colunas monumentais, muito dourado e branco, mobiliário em cinza claro, um enorme bar e os grandes lustres que iluminam perfeitamente as jogadas do Hold’em entre os adversários mais poderosos do mundo. Uma decoração com cores sóbrias é ideal para agradar os fãs do melhor estilo 007.
filme2 filme3

O Fabuloso Destino de Amélie Poulain (2001) – Estilo aconchegante
Dirigido por Jean-Pierre Jeunet, o cult movie lançou Audrey Tautou, como Amélie Poulain ao estrelato. A jovem que passou a vida em estado de voyeurismo encara os seus dramas e amores em Montmartre, um dos bairros mais icônicos de Paris. As cores do cenário e a fotografia fantástica mostram cartões postais e cantinhos da Cidade Luz em momentos inesquecíveis do filme.
ilme4
A decoração da casa de Amélie, principalmente do seu quarto, transmite a doçura da personagem com cores nada suaves – o vermelho no papel de parede, a cabeceira da cama em metal, abajures com luzes amarelas, os quadros com animais e os detalhes dos objetos antigos.

O Grande Gatsby (2013) – Estilo luxuoso
Baseado em um dos mais aclamados clássicos da literatura americana, a útima adaptação para o cinema de “O Grande Gatsby”, de F. Scott Fitzgerald, não poupou glamour. O palacete do excêntrico Jay Gatsby (Leonardo DiCaprio) é mais um dos luxos do filme. Ambientando nos anos 1920, festas milionárias, grandes paixões, conflitos e consequências trágicas fazem dessa trama uma das mais marcantes do cinema.
filme5 filme6 filme7
A mansão de Gatsby é um luxo só – a começar pelo salão de festas, a biblioteca, o pátio com fonte e o jardim espetacular. Detalhes como o teto folhado a ouro, lustres de cristal ornamentados, piso de marchetaria (com o monograma de Gatsby no centro), colunas monumentais entre as janelas com cortinas esvoaçantes, e uma escada sinuosa são complementados com mobiliário riquíssimo. Os designers tiveram como inspiração principal as casas do início dos anos 20, dos novos milionários da época, em Long Island, NY.

Fridha (2002) – Estilo alegre, colorido e intenso
O filme Fridha (interpretada por Salma Hayek) mostra a vida trágica da artista mexicana da adolescência até a morte. Os problemas pessoais e amorosos que marcaram profundamente sua trajetória não a impediram de lutar com atitude pela sua arte. Traços e cores vivas, flores, frutas, animais e autorretratos mostram o talento de uma das mulheres mais incríveis do século 20.
filme9 filme10
A Casa Azul, hoje transformada em museu, serve de inspiração para decoração tanto de ambientes internos como externos. As fachadas e paredes são coloridas e, obrigatoriamente, com mistura de cores extravagantes. Elementos artesanais, tecidos estampados, referências religiosas, objetos e flores fazem parte da composição dos cômodos. As cores de Fridha têm tons de vermelho, amarelo, laranja e rosa, além outros ousados que podem ser usados, mas sempre criando uma harmonia.

Homem de Ferro (2008) – Estilo moderníssimo
filme11

O bilionário Tony Stark (Robert Downey Jr.) também é um grande inventor. Construiu uma armadura de alta tecnologia para combater o crime – assim se transformou no Homem de Ferro. A mansão do super-herói é ultramoderna, construída na encosta de um rochedo, com muito vidro e concreto e repleta de aparelhos tecnológicos de última geração. Simplesmente maravilhosa.
filme14 filme15
Para inspirar a decoração, é preciso partir para a ideia de ambientes cleans e minimalistas. Ideal para quem gosta de ambientes frios, sem muito tecidos e cores, e poucos objetos à mostra. O ponto principal é a vista, integrando a paisagem exterior, do mar e do por do sol, por exemplo, ao interior da casa.

Julie & Julia (2009) – Estilo retrô
O filme conta, simultaneamente, a história de Julia Child (Meryl Streep), famosa autora de livros culinários e apresentadora de TV dos Estados Unidos, nos 1950 e 60; e Julie Powell (Amy Adams), uma jovem que vive no Queens, Nova York, em 2002. Insatisfeita com sua carreira profissional, Julie desafia a si mesma a cozinhar, em um ano, todas as receitas do livro “Mastering the Art of French Cooking”, de Julia Child.filme18

Meryl Streep as "Julia Child" in Columbia Pictures' JULIE & JULIA.
Meryl Streep as “Julia Child” in Columbia Pictures’ JULIE & JULIA.

Uma linda inspiração para a decoração retrô vem da cozinha de Julia Child, na casa que morava com seu marido na França e começava a estudar culinária. O cômodo traduz todo o aconchego da época e do lugar, com móveis coloridos, fogão e forno maravilhoso, utensílios de cozinha e uma charmosa placa que mantém as panelas à mostra.

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *